NOTÍCIAS

Escolas contabilizam 156 casos de Covid-19 em 2021 na cidade de Sorocaba

Escolas contabilizam 156 casos de Covid-19 em 2021 na cidade de Sorocaba

07/06/2021
Fonte: Jornal Cruzeiro do Sul

Em 2021, Sorocaba já confirmou o total 156 casos de Covid-19 em unidades escolares da cidade, sendo 20 estabelecimentos públicos e cinco particulares. Os nomes das escolas não foram informados. Os casos da doença foram confirmados pela Prefeitura e são tanto em alunos, como professores e funcionários.

Os 156 casos de 2021 são quase cinco vezes maior do que os registrados em 2020 na comunidade escolar de Sorocaba. Em 2020, conforme os dados divulgados pela Prefeitura, são de 36 casos confirmados em oito escolas particulares.

Lembrando que as escolas estaduais e particulares de Sorocaba seguem com aulas presenciais e também de forma remota, conforme as regras atuais do Plano São Paulo.

Já a rede municipal de ensino de Sorocaba está há mais de um ano sem aulas presenciais, somente com o ensino remoto. A previsão de retorno das aulas presenciais nas escolas municipais, segundo a Prefeitura de Sorocaba, é o próximo dia 15 de junho, mas a data já foi adiada pelo menos três vezes.

Escolas devem notificar

Segundo a Prefeitura de Sorocaba, diante da ocorrência de identificação de casos suspeitos e confirmados em ambiente escolar, a equipe de educação deve entrar em contato e notificar imediatamente a equipe de Vigilância Epidemiológica, por meio de formulário, que já é de conhecimento das escolas.

O Protocolo Covid-19 em Ambiente Escolar é enviado à instituição, com as orientações e medidas sanitárias a serem tomadas. O protocolo também está disponível na página oficial da Prefeitura de Sorocaba e pode ser consultado em http://saude.soro caba.sp.gov.br/wp-content/up loads/2020/09/co ntrole-de-covid-19-em-escolas.pdf .

Na identificação de dois ou mais casos confirmados na mesma escola, dentro de 14 dias após o primeiro caso, será feita análise do período de estudo e do vínculo epidemiológico entre os casos e, se houver estabelecimento do vínculo epidemiológico para definição de surto, a Vigilância Epidemiológica dará o devido encaminhamento das ações.

Em caso de constatação de surto, é orientado o encerramento do atendimento ao público enquanto perdurar a transmissibilidade do mesmo, ou seja, 14 dias sem novos casos positivos, sendo posteriormente reavaliado.

Diante dessas notificações, todos os envolvidos reforçam a necessidade de atenção e cuidados de alunos e professores, com o respeito às regras sanitárias durante a pandemia, como distanciamento social para evitar aglomeração, uso de máscaras e desinfecção contante com álcool em gel.

Comentários

Deixar um comentário
Imagem pré-carregada