NOTÍCIAS

Sorocaba bate recorde de internações por Covid-19

Sorocaba bate recorde de internações por Covid-19

09/06/2021
Fonte: Jornal Cruzeiro do Sul

Sorocaba apresentou, durante o último final de semana, o momento mais crítico da pandemia no que se refere ao número de internações de moradores da cidade em função da Covid-19. Com 428 pessoas internadas no sábado (5), superou o até então recorde de 28 de março, quando 415 pessoas estavam hospitalizadas.

Ontem (7), a rede ainda estava pressionada, com mais de 400 pessoas internadas, fila de espera de 41 pacientes para UTI e apenas um leito de alta complexidade vago na rede municipal. De acordo com as informações da Secretaria de Saúde de Sorocaba (SES), a cidade mantinha 415 pessoas em leitos de UTI e de enfermarias. É a primeira vez que a cidade registra mais de 400 pacientes moradores da cidade por quatro dias seguidos.

Durante a chamada “primeira onda”, o maior número de pessoas internadas foi de 223 pacientes, em 19 de julho de 2020. Na “segunda onda”, o recorde foi de 415 pessoas, em 28 de março. O número acima de 400 pacientes internados ocorreu apenas por seis vezes ao longo de pouco mais de 14 meses de pandemia.

O que diz o Poder Público

Questionada sobre a situação dos leitos, a Prefeitura de Sorocaba informou que a Secretaria da Saúde está em constante contato com os conveniados para que, caso haja a necessidade de ampliação, “esta seja feita rapidamente”. “A Secretaria da Saúde (SES) reforça que é preciso que as pessoas continuem seguindo todos os protocolos sanitários preventivos à Covid-19, como uso de máscara, álcool em gel e mantendo o distanciamento social. A conscientização da população sobre essas medidas também é fundamental no combate à pandemia.”

A Prefeitura de Sorocaba afirma que intensificou a realização de operações integradas entre a Guarda Civil Municipal (GCM), a Polícia Militar (PM), o setor de Fiscalização de Posturas e a Vigilância Sanitária (Visa), da Prefeitura de Sorocaba, para coibir os chamados “pancadões” e outros pontos de aglomeração na cidade, assim como quaisquer irregularidades. “Os cidadãos podem acionar o telefone 153 (GCM) ou o 190 (PM), para fornecer informações que colaborem no trabalho das autoridades”, acrescenta.

 

Comentários

Deixar um comentário
Imagem pré-carregada